order aricept online without prescription, generic #whmvvug, #zjohw online uk, Tadalista, valtrex online, valtrex online, buy aricept online

Tribuna

Digital

Esqueci minha senha.

Prefeitura lacra Clínica Fênix por irregularidades

Funcionários do setor de Fiscalização da Prefeitura notificam proprietários da Clínica Fênix, em setembro

A Prefeitura de Araras publicou decreto que determina lacração da Clínica Fênix, localizada no bairro Jardim Aeroporto, zona norte. A medida, válida a partir de hoje (5), ocorre após a fuga de pacientes em tratamento registrada em 15 de setembro. Na ocasião, irregularidades e até agressões foram denunciadas pelos fugitivos.
O documento, publicado na edição de hoje da Tribuna, determina a lacração por tempo indeterminado do local que fica na rua 14 Bis, Jardim Aeroporto. Pelas normas, as atividades foram encerradas e serão liberadas após os proprietários adequarem conforme determinam os requisitos legais.
A medida ainda autoriza “a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, Divisão de Fiscalização a tomar as providências necessárias a fim de efetivar o fechamento e a lacração do estabelecimento”, com base na legislação.

Entenda o caso
Em 15 de setembro, 20 pacientes fugiram da clínica particular para tratamento de dependentes químicos. A fuga aconteceu após um protesto contra os maus-tratos e a falta de estrutura oferecida. Alguns teriam fugido para a casa de parentes e outros procuraram ajuda na Delegacia do Município. A Polícia Civil abriu um inquérito policial para investigar o caso. O boletim de ocorrência do episódio foi registrado por seis pacientes como lesão corporal.
Na época, a assessoria de comunicação da Prefeitura explicou através de nota que “notificaria o proprietário do local para encerrar as atividades, pois não era permitido esse tipo de instituição na região onde ela funcionava. Além disso, a instituição também não tinha licença e nem autorização da Vigilância Sanitária para funcionar”.

Compartilhe

Por em 5 de novembro de 2013. Arquivado em Manchete,Segurança. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta notícia através do RSS 2.0. Both comments and pings are currently closed.

Comentários desativados.