Araras, 25 de maio de 2017

Pagando o ‘Pato’             O técnico Eduardo Baptista faz parte do passado no Palmeiras. O elenco alviverde desembarcou em São Paulo na noite de...
Compartilhe em suas redes sociais!

Pagando o ‘Pato’

            O técnico Eduardo Baptista faz parte do passado no Palmeiras. O elenco alviverde desembarcou em São Paulo na noite de quinta-feira e pouco depois a diretoria anunciou a saída do treinador. Em rápido contato, o treinador disse estar tranquilo e que a demissão, mesmo com pouco tempo de clube, faz parte da profissão. De fato, o Verdão é líder do Grupo 5 da Libertadores com 10 pontos e só não avança para as oitavas de final em caso de derrota por dois ou mais gols de diferença para o Atlético Tucumán, na arena, na última rodada da chave, combinada com empate ou vitória do Jorge Wilstermann sobre o Peñarol.

 

Cuca é o favorito

            A demissão de Eduardo Baptista abre o caminho para o retorno de Cuca ao Palmeiras. O técnico, campeão brasileiro com o Verdão em 2016, só foi substituído no fim do ano passado por questões particulares. Fato que fez o seu “fantasma” rondar o trabalho de Eduardo do começo ao fim. Agora, ele volta a ser realidade nos bastidores da Academia.

 

Menos atletas

            O técnico Rogério Ceni, do São Paulo, foi questionado a respeito de Nenê, do Vasco. O meia de 35 anos esteve na mira do clube do Morumbi recentemente. O nome constantemente citado por torcedores nas redes sociais foi elogiado, mas o comandante brecou uma possível contratação. A explicação tem a ver com o peruano Cueva. Líder técnico do time do Vasco, Nenê voltou a ter o nome vinculado ao São Paulo nos últimos dias no Rio de Janeiro. O Tricolor, no entanto, pensa nesse momento em reduzir o número de atletas do elenco.

 

Incentivo inesperado

                Jogar uma partida de Taça Libertadores já costuma ser suficiente para motivar qualquer jogador, mas o elenco do Santos ganhou um incentivo a mais antes da vitória por 3 a 2 sobre o Santa Fé, uma mensagem de Rafael Longuine. De luto pela morte dos pais e uma tia em um acidente de carro, o meia agradeceu pelo apoio em um grupo dos atletas e da comissão técnica no whatsap. Ele disse que passa pelos piores dias da vida, mas que assistiria ao jogo e confiava no resultado positivo.

 

Liberado

                O lateral-direito Fagner poderá atuar na decisão do Campeonato Paulista, entre Corinthians e Ponte Preta, neste domingo em Itaquera. O Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo acatou ao pedido de efeito suspensivo feito pelo departamento jurídico do Corinthians e liberou o jogador para estar em campo no fim de semana. O jogador corintiano acertou o adversário Cueva, do São Paulo, com uma joelhada, mas o trio de arbitragem não viu o lance. O peruano recebeu apenas uma advertência. O jogador do Timão foi denunciado no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva por praticar ato desleal ou hostil.

Compartilhe em suas redes sociais!

Marcial D'Sanctis

Nenhum comentário por enquanto.

Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *