Araras, 17 de novembro de 2017

Aos 15 anos, Emily Vitória Clementino encara a oportunidade para representar a comunidade da Escola Estadual Doutor Maximiliano Baruto na Câmara Jovem. Ao lado... Iniciativa para construir um País melhor
Compartilhe em suas redes sociais!

Suplente Adriel Reginaldo Júnior ao lado da vereadora Anete Casagrande (PSDB) e da vereadora da Câmara Jovem, Emily Vitória Clementino, em diplomação ocorrida em março
(Crédito: Divulgação/Câmara)

Aos 15 anos, Emily Vitória Clementino encara a oportunidade para representar a comunidade da Escola Estadual Doutor Maximiliano Baruto na Câmara Jovem. Ao lado de outros 10 vereadores jovens, além dos suplentes, ela foi diplomada em março.

Emily aponta que o principal desafio ao assumir o cargo é fazer a diferença. “Encaro como uma chance para fazer diferença, fazer com que a palavra união faça sentido entre os jovens”, disse para Tribuna no Bairro.

A estudante está matriculada no 1º ano do ensino médio e reside no José Ometto IV, zona leste. Atualmente não trabalha, mas dedica sua rotina aos estudos e também às atividades junto ao grêmio da escola, além da Câmara Jovem.

Sobre a oportunidade para ingressar na Câmara, explica que surgiu por um convite da diretoria da Escola Baruto. “Foi a diretora que convidou os alunos, mas apenas eu mostrei interesse pela vaga, sendo que neste ano também integro o grêmio”, revela.

Questionada se investirá em algum projeto durante sua legislatura, disse que ainda não tem um específico, mas cita que pretende ouvir as pessoas do bairro onde reside. “Pretendo ouvir os moradores, estudantes da escola e levar os questionamentos e as necessidades para Câmara Municipal. É preciso discutir os meios e ações para ajudar a população”, defende.

Por fim, a estudante cita a importância da participação dos jovens na política para mudar a atual realidade. “O jovem na política pode trazer ideia criativas, inovadoras e construir um País melhor”, finaliza.

 

Compartilhe em suas redes sociais!

Célio Casarin