Araras, 22 de julho de 2018

Já tive a oportunidade de comentar que o Comercial FC teve no passado brilhantes jogadores de futebol que enalteceram a história do clube e,...
Compartilhe em suas redes sociais!

Já tive a oportunidade de comentar que o Comercial FC teve no passado brilhantes jogadores de futebol que enalteceram a história do clube e, porque não dizer, o patrimônio cultural esportivo da cidade. Logicamente cada um na sua época. Hoje quero homenagear nessa coluna um verdadeiro guerreiro dentro das quatro linhas do gramado. Infelizmente recebi a notícia do seu falecimento ocorrido no dia 22 maio com 88 anos de idade.

Seu nome: Naylor Mazon, carinhosamente chamado pelos amigos de Lote; apelido dado por seu avô quando ainda era criança. Jogava naquela época na posição do lado direito, jogador vibrante, possuía raça, firme na marcação, não dava moleza para os adversários.

Iniciou sua carreira ainda bem jovem, em 1945. São 73 anos já passados, iniciou no time do Corinthians Ararense ao lado de Xando, Jored, Jota, Nelsinho ,Eolinho, Chopp, Vadô, Pedro, Cláudio e Milton Severino, Lote, De Sálvio e Rubens. O técnico era o Armando Giacomini.

Em l946 defende o Juvenil do Comercial FC, que enfrentou o Juvenil do CA Juventus da Capital, no estádio Joel Fachini. Devido a suas boas atuações passa a defender a categoria Amadora ao lado de: Chile; Cláudio; Pizza; Caninana; Piano; João Mazon; Nande; Eolinho; Flávio e Jader.

O jovem Lote vai se destacando no sistema tático do Leopardo da Paulista. Em 1949 explode de alegria e torna-se Campeão dos Campeões pelo CFC. Em 1950 Lote participa com outros estudantes dos Jogos Abertos do Interior ao lado de: Picão Denardi, Chiquinho Graziano, Salvador Agostini e outros.

Ainda nesse ano conquista o título de Campeão do Setor 21, defendendo o CFC. Em 1955 novamente recebe as faixas de Campeão ao lado de :Ismael; Zulu; Emerson; Pedro; Lote; Linguiça; Bastião; Zinho; Osíris; Eolinho; Rubens e Biguá. No dia de agosto de 1971, tive a satisfação de entrevistá-lo no programa de Reminiscências Esportivas pela Rádio Centenário de Araras.

Em 1973 foi realizado no Estádio Joel Fachini uma partida de futebol de confraternização entre Veteranos da Associação Atlética Ararense e Veteranos do Comercial FC, com um empate de 2 a 2 e Lote esteve em campo defendendo o Comercial FC.

Em 1978, quando da realização de um Torneio de futebol ¨Matando Saudades¨ Lote esteve em campo defendendo o time dos Doutores.

Em 1979, Lote participa de uma partida de futebol entre Veteranos da Ararense e do Comercial FC, contra os Veteranos da Usina São João.

Há pouco tempo fiz-lhe uma visita, onde batemos um gostoso bate papo sobre os grandes momentos do nosso futebol. Durante longos anos Lote trabalhou na empresa Sociedade Comercial Zurita Ltda., onde veio a aposentar-se. Pelo amor em defesa do Comercial CF, as Homenagem na História de Um Campeão.

À família enlutada nossos pêsames e ao amigo Naylor Mazon (Lote), que partiu desse mundo, nossas homenagem em nosso Cantinho de Saudades.

 

Falecimento

Veio a falecer no dia 16 de abril, com 61 anos de idade, o assíduo leitor da coluna José Flávio Rodrigues. Recebia diariamente sua visita em nosso local de trabalho, onde batíamos gostoso papo sobre o esporte. Era um amante torcedor do Flamengo do Rio de Janeiro. Na sua adolescência pertenceu às fileiras marianas, onde foi um destacado jogador de futsal. À família enlutada nossos pêsames e ao Flavinho, que partiu desse mundo, nossas homenagem em nosso Cantinho da saudades.

Compartilhe em suas redes sociais!

Walter Gambini

Nenhum comentário por enquanto.

Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo não disponível para cópia.