Araras, 21 de agosto de 2017

Neste ano de 2015 comemora-se, com muita alegria, os 120 anos de fundação do Oratório São Luiz, pelo saudoso padre Alexandre Fria, em 1895....
Compartilhe em suas redes sociais!

Neste ano de 2015 comemora-se, com muita alegria, os 120 anos de fundação do Oratório São Luiz, pelo saudoso padre Alexandre Fria, em 1895. São 120 anos dedicados às crianças e a juventude ararense. Quantas gerações já passaram um dia por esse Santuário, recebendo as bênçãos do Sagrado Coração de Jesus e os ensinamentos de Bom Bosco?

Acredito que a maior parte dos cristões desta terrra de Nossa Senhora do Patrocínio um dia já frequentou o Oratório São Luiz, e muitas histórias tem para serem contadas, e com saudade recordam seu tempo de criança e da sua juventude.

Ainda nos dias de hoje vemos velhinhos com o avançar da idade, com seus cabelos grisalhos, frequentando as missas naquele local, e algumas vezes participando das atividades, pois ali está um pedacinho da continuidade do seu lar. Não é verdade senhor José Marrreto? Com seus mais de 88 anos de idade, desde criança até nos dias de hoje frequenta o local e tem muitas histórias interessantes para contar.

Acompanhando o progresso da cidade e as novas filosofias de trabalho, as obas salesianas se agigantaram como uma rocha pois, afinal, o Oratório São Luiz faz parte do Patrimônio Educativo e Cultural da cidade. Gostaríamos, mas não é possível citar todos os seus trabalhos pois o espaço é pequeno tal a grandeza da sua organização e zelo de seus sacerdotes e diáconos.

Deixei para falar um pouco do esporte no final, pois o EC Oratório São Luiz, o Azulão do Cândida, como queiram, soube representar a família salesiana durante a sua trajetória com muito brilho, conquistando muitos títulos e o cobiçado troféu como o quadro mais simpático da cidade, além de muitas medalhas no campo de luta.

Quantas centenas de jovens um dia vestiram as cores oratorianas e mais tarde foram defender outras agremiações nessa caminhada de 120 anos. Gostaria de citar o nome de todos, mas é tarefa impossível. Eis alguns: Eloy Dias, Irineu Scamparini, Tito Torrezan, Maurinho, Dário Mazon, Salim Daire, Edward de Moraes e dezenas de outros. Sobre o antigo estádio, o Brinco de Ouro: quanta luta para a sua construção, alambrados, cabine de imprensa, arquibancadas, o gigante ginásio de esporte etc. Hoje o local é denominado Cedinsa (Centro Esportivo do Insa). Quando passamos naquele local recordamos as grandes jornadas esportivas, dos encontros de confraternização da juventude, e recordamos o dia da inauguração do seu ginásio, quando irradiamos toda a solenidade.

Aos que já partiram, sacerdotes, cooperados e alunos, nossas homenagens. Em tempo, meu amigo padre Nivaldo Luiz Pissinatti, hoje diretor geral do Boletim Salesiano, quando garoto também jogou futebol nesse campinho do colégio e marcou alguns gols. Aliás, antigamente os gols não tinham redes e não havia impedimento, valia tudo… Bons tempos hein, padre Nivaldo.

Aí está um pequeno resumo do nosso Oratório São Luiz, que precisa da sua presença e do seu trabalho. Parabéns pelo 120 anos de sua fundação.

 

Parabéns à você

Hoje, 16 de maio, está completando 86 anos de idade o senhor Aldo Della Coleta. No passado, um dos brilhantes goleiros do futebol ararense, assíduo leitor desta coluna. A ele desejamos os votos de felicidade, muita saúde e muitos anos de vida. Parabéns Aldão!

Compartilhe em suas redes sociais!

Walter Gambini